domingo, 31 de maio de 2015

Celulares do Ceará e cinco estados passam a ter nono dígito a partir deste domingo

0 comentários
As ligações para celulares de Pernambuco (DDDs 81 e 87), Alagoas (82), Paraíba (83), Rio Grande do Norte (84), Ceará (85 e 88) e Piauí (86 e 89) terão que incluir o nono dígito a partir deste domingo (31). A medida, que já vale para outros estados, consiste em digitar 9 antes dos outros oito números do telefone.
Essa regra vale tanto para chamadas feitas a partir de telefones fixos, públicos ou privados, quanto de outros celulares, independente da operadora e do local de onde a pessoa está ligando. Também será preciso incluir o nono dígito para enviar mensagens de texto.
Já as ligações para telefones fixos nesses estados não mudam.
De acordo com a Anatel, haverá um período de transição, que vai até 9 de junho, em que as chamadas para os celulares daqueles cinco estados serão completadas digitando-se oito ou nove números. Entre 10 de junho e 9 de julho, quem discar apenas os oito dígitos passará a ouvir uma mensagem sobre a mudança. A partir de 10 de julho, apenas as chamadas com nono dígito serão completadas.
No caso das mensagens de texto, o convívio duplo também acontece até 9 de julho. Depois dessa data, a ausência do nono dígito vai impedir que a pessoa receba a mensagem.
Todos celulares terão nono dígito até 2016
O plano da Anatel prevê que até 2016 todos os celulares do país terão o nono dígito. Essa medida foi adotada devido à escassez da oferta de novos números em grandes centros, principalmente em São Paulo e no Rio de Janeiro, mas será estendida ao restante do Brasil para padronizar os números e evitar confusão.

O cronograma prevê a implantação do nono dígito em Minas Gerais, Bahia e Sergipe a partir de 11 de outubro. Na última fase de implantação, no ano que vem, serão atingidos os estados do Paraná, Santa Catarina, Rio Grande do Sul, Rondônia, Acre, Goiás, Tocantins, Mato Grosso do Sul e Mato Grosso, além do Distrito Federal.
Em São Paulo, Rio de Janeiro, Espírito Santo, Amazonas, Roraima, Amapá, Pará e Maranhão, o nono dígito já está em vigor.
G1

sábado, 30 de maio de 2015

Nova ação da China contra a corrupção leva políticos para passar um dia no presídio

0 comentários
Passar um dia atrás das grades se tornou a mais recente estratégia da campanha anticorrupção do governo da China, que obriga seus funcionários a visitar prisões como advertência a potenciais consequências de seus atos. A Comissão Central de Inspeção e Disciplina, o braço anticorrupção do Partido Comunista Chinês, organiza visitas de altos cargos e seus cônjuges a presídios onde podem encontrar antigos colegas condenados por práticas corruptas.
O objetivo, conforme anunciou o partido em comunicado divulgado recentemente pela imprensa oficial chinesa, é que os servidores públicos "sejam conscientes" das punições por corrupção e "que exerçam seus poderes corretamente e sejam receptivos à supervisão do partido". Nos últimos meses, as autoridades anticorrupção chinesas levaram funcionários de vários ministérios para visitar as prisões. Em outros casos, prepararam visitas exclusivas de cônjuges, para que transmitam a seus parceiros a importância de evitar as práticas irregulares.

Ao visitar as celas, a ameaça da prisão é sentida mais de perto e, por enquanto, a experiência não está deixando os servidores públicos indiferentes. "Os funcionários e suas esposas ficaram muito impactados. Observar o horror que é perder a liberdade e o prestígio choca muito, mas penso que os mais jovens ficam impressionados com o fato de poderem ficar ali por muitos anos", explicou um funcionário chinês que prefere ser identificado apenas por seu sobrenome, Wang.
Com a nova técnica de visita ao presídio, a luta contra a corrupção empreendida pelo presidente da China, Xi Jinping, adquire uma nova dimensão, porque se estende, inclusive, a funcionários sobre os quais não há suspeitas. "A corrupção não deve ser apenas castigada. Preveni-la é ainda mais importante. Não se pode punir apenas o efeito. É preciso criar uma consciência para não querer ser corrupto", publicou recentemente o jornal Diário do Povo, voz do Partido Comunista, em um editorial no qual pede mais "firmeza" para eliminar de vez estas irregularidades.

Campanha - Desde a ascensão de Xi ao poder, a China empreendeu uma incansável campanha anticorrupção que investigou uma centena de dirigentes ministeriais. O presidente chinês comprometeu-se a agir contra "moscas e tigres" - em referência a funcionários de baixa patente e aos políticos graduados -, não poupando ninguém, independentemente da sua posição. Apenas no ano passado mais de 4.000 altos funcionários da burocracia chinesa foram processados por corrupção, enquanto o ex-ministro de Segurança Pública, Zhou Yongkang, a vítima mais ilustre e simbólica desta campanha, está à espera de julgamento. O afã de limpeza das práticas corruptas do governo não se limita ao âmbito político e chegou ao todo-poderoso Exército chinês, atingindo o seu ex-número dois Xu Caihou, falecido em março, que caiu em desgraça após protagonizar um dos maiores escândalos da história do país.

(Da redação)

sexta-feira, 29 de maio de 2015

Centro de Eventos do Ceará tem programação até 2020

0 comentários
Para o secretário de turismo de Ceara, Arialdo Pinho, o setor não é só passageiro é negócio. “Estamos trabalhando esse segmento por meio do Centro de Eventos”. Segundo a Setur, na agenda do Centro de Eventos tem programação até 2020.


Para divulgar ainda mais o equipamento, a Setur participará de feiras nacionais e, no segundo semestre, realizará forte investimento em publicidade dentro do Brasil e nos principais centros emissores europeus como Itália e Portugal. De acordo com a secretaria, dos 3,2 milhões turistas que vieram ao Estado em 2014, um milhão veio a negócios para participar de feiras, congressos e ventos.

Em média, o turista permanece no Estado seis dias e gasta R$ 358/dia. O dobro da quantia do turista que vem a lazer. A expectativa é que o número de visitantes aumente, no mínimo, 10% em 2016. Entre os Estados que visitam com mais frequência estão São Paulo, Rio de Janeiro, Minas Gerais e Brasília.
 
Ajuste fiscal
Para o diretor de marketing nacional do Ministério do Turismo (Mtur), Walter Nunes Júnior, o ajuste fiscal do Governo impacta no turismo, pois atinge todas as áreas. Mas estão sendo feitas melhorias nas condições do Fundo Geral do Turismo (Fungetur) para minimizar esse momento de crise. “Estamos revendo as diretrizes, mas não há nenhuma diminuição no ritmo de trabalho”. (Carol Kossling)

Camilo Santana em Crateús e Camocim

0 comentários
Ação da primeira gestão Cid Gomes, o Governo Itinerante será retomado hoje. Os municípios de Crateús e Camocim receberão Camilo Santana (PT) e toda a administração estadual nesta sexta-feira e amanhã, respectivamente. Serão realizadas reuniões e prestações de serviços à população. 

Mauro Carmélio representará CBF na eleição da Fifa

0 comentários
Apesar dos escândalos revelados pelo FBI na última quarta-feira (27), a Fifa manteve as eleições marcadas para esta sexta (29), em Zurique, na Suiça. Para representar a CBF foi escolhido o presidente da Federação Cearense de Futebol, Mauro Carmélio.
Com a prisão de José Maria Marin e com a saída de Marco Polo Del Nero, que deixou a Suiça, sobraram dois nomes na comissão brasileira na eleição. Aliado político e amigo de Marco Polo Del Nero, Mauro Carmélio ganhou a disputa contra o presidente da Federação de Goiás, André Pitta.
A presidência da Fifa será disputada pelo atual presidente Joseph Blatter e o príncipe jordaniano Ali bin al-Hussein.  
CNEWS

MPF realizará audiência para discutir crise na saúde do Ceará

0 comentários
O Ministério Público Federal (MPF) vai realizar, no próximo dia 9 de junho, a partir das 14 horas, no auditório da sede do órgão em Fortaleza, audiência pública sobre o agravamento da crise na Saúde Pública no Ceará, em razão da superlotação em hospitais e do atendimento de pacientes no chão de corredores de unidades hospitalares.
As informações levantadas durante a audiência vão instruir inquérito civil público instaurado pelo MPF para discutir e buscar soluções para a crise na Saúde. Titular do inquérito, a procuradora da República Nilce Cunha Rodrigues ressalta que as ações dos entes governamentais relativas à saúde pública devem se pautar prioritariamente por uma perspectiva social para defesa e promoção da vida.
Notícia publicada recentemente na imprensa local mostrou levantamento do Sindicato dos Médicos do Estado do Ceará que apontava que 367 pacientes estavam sendo atendidos em corredores das unidades hospitalares. O MPF considera necessária, portanto, a apuração das responsabilidades, inclusive com repercussões a título de improbidade administrativa em relação aos fatos noticiados, destacando-se, sobretudo, o respeito ao princípio da dignidade da pessoa humana e a observância ao princípio da igualdade de condições no acesso aos direitos fundamentais.
Para a audiência, o MPF convocou o Governador do Estado, Camilo Santana, o prefeito de Fortaleza, Roberto Cláudio, além de representantes da Secretaria da Saúde do Estado do Ceará, da Secretaria da Saúde do Município de Fortaleza, de hospitais públicos que desejarem se manifestar e de conselhos, sindicatos e associações de classes representativas dos profissionais da saúde.
MPF CE

quinta-feira, 28 de maio de 2015

Câmara rejeita emenda e mantém coligações em eleições proporcionais

0 comentários


A Câmara dos Deputados rejeitou nesta quinta-feira (28) uma emenda que queria acabar com as coligações em eleições proporcionais. Eram necessários ao menos 308 votos para aprovar esse dispositivo, mas houve apenas 206 votos a favor. Se manifestaram contra 236 parlamentares e houve cinco abstenções. Com a decisão, ficam mantidas as regras atuais, pelas quais os partidos políticos podem se coligar nos pleitos para vereador, deputado estadual e federal. O PSDB foi o partido que em Plenário mais defendeu a aprovação da emenda, mas acabou derrotado. O argumento é que as coligações são formadas sem identidade ideológica entre as legendas e de olho apenas na partilha do tempo de televisão. "Era a alternativa que nos restava para salvar algo substancial na reforma política", avaliou o deputado Domingos Sávio (PSDB-MG). "Não conseguimos avançar no fundo partidário e vamos continuar com eleições em que o eleitor vota em alguém e elege uma pessoa de outro partido e de outra ideologia. Isso é enganar o eleitor", disse.

Deputado é flagrado assistindo a vídeo pornô durante votação na Câmara

0 comentários
O deputado federal João Rodrigues (PSD-SC) foi flagrado assistindo a um vídeo pornô durante uma sessão que votava parte da reforma política, na Câmara dos Deputados, nesta quarta-feira. As imagens foram feitas pelo SBT .
Nas imagens, outros deputados aparecem ao lado de João Rodrigues para ver do que se tratava, enquanto era reproduzido um vídeo com conteúdo pornográfico em um celular. De acordo com a reportagem, as imagens foram borradas pois mostram atos obscenos. Em cima da mesa, havia um papel relacionado a uma Santa Missa da Confederação Nacional dos Bispos do Brasil (CNBB).

O DIA


Repórter tenta entrevistar homem morto após perseguição policial

0 comentários
Um repórter da TV Atalaia, afiliada da Record no Sergipe, tentou entrevistar um homem morto, logo após a perseguição policial ocorrida na periferia de Aracaju. A reportagem foi exibida na edição desta quarta-feira (27) do programa policial local "Tolerância Zero".
A equipe estava na região quando flagrou a movimentação. Ao chegar no local, se depararam com três suspeitos no chão, que, segundo a polícia, haviam praticado assalto a uma mercearia e tinham fugido na contramão. Houve troca de tiros entre suspeitos e policiais. Um deles morreu no local.
"Você é maior ou menor?", perguntou o repórter a dois deles. "E você, tem quantos anos?", questionou ao terceiro suspeito, que estava morto. Após segundos de silêncio, e sem resposta, o jornalista se deu conta da situação. "Esse daqui está ferido. Por incrível que pareça, eu ia entrevistar um cara que já está morto", completou, sem graça.
UOL

Belfort perdeu para Weidman, mas ganhou R$ 900 mil

0 comentários
A derrota para Chris Weidman, no último sábado (23), rendeu a Vitor Belfort US$ 300 mil (cerca de R$ 945 mil). Enquanto isso, o campeão dos médios embolsou US$ 550 mil (cerca de R$ 1,7 milhão) – US$ 50 mil só de bônus por sua performance na luta. Os valores foram divulgados nesta terça-feira (26), pela Comissão Atlética de Nevada, que divulgou os salários dos lutadores do UFC 187.
Anthony Johnson, que foi derrotado pelo novo campeão dos pesados, Daniel Cormier, também recebeu o salário de US$ 500 mil. Cormier recebeu o mesmo salário de Belfort, de US$ 300 mil. Os valores divulgados não incluem o percentual de venda de pay per view que os lutadores recebem após o evento.
O outro brasileiro no evento além de Belfort, Rafael "Sapo" Natal, levou US$ 70 mil (cerca de R$ 220 mil). 

BOL

Deputados aprovam o fim da reeleição

0 comentários
O Plenário da Câmara dos Deputados aprovou nesta quarta-feira (27) artigo da reforma política (PEC 182/07) que acaba com a reeleição nos cargos executivos (presidente da República, governadores e prefeitos). A medida foi aprovada com o apoio majoritário das bancadas: 452 votos a favor, 19 contra e 1 abstenção.

O texto aprovado é o do relatório do deputado Rodrigo Maia (DEM-RJ), que prevê uma transição. O fim da reeleição não se aplicará aos governadores eleitos em 2014 e aos prefeitos eleitos em 2012, nem a quem os suceder ou substituir nos seis meses anteriores ao pleito subsequente, exceto se já tiverem exercido os mesmos cargos no período anterior.
A exceção para o cargo de presidente da República não cabe porque a presidente Dilma Rousseff, já reeleita, não poderá se candidatar novamente em 2018.

Marta Suplicy não perderá mandato por saída do PT após decisão do STF

0 comentários


Decisão do Supremo Tribunal Federal (STF) nesta quarta-feira (27) deve beneficiar a senadora Marta Suplicy, eleita pelo PT de São Paulo e desfiliada recentemente da sigla – destino provável é o PSB. O plenário da Corte definiu que, em casos de mudança de partido para políticos eleitos para cargos majoritários, não há a perda do mandato. Segundo entendimento do STF, a perda do mandato de prefeitos, governadores, senadores e presidente da República não se aplica quando houver troca de partido porque viola a soberania popular. A Corte julgou inconstitucionais dispositivos de resolução do Tribunal Superior Eleitoral (TSE) que aplicavam aos eleitos em pleitos majoritários as mesmas regras válidas para os candidatos eleitos em eleições proporcionais, como vereadores, deputados estaduais e deputados federais.

Após manobra de Eduardo Cunha, Câmara aprova doação de empresas a partidos

0 comentários


Após rejeição numa primeira tentativa na noite desta terça-feira (26), o presidente da Câmara, Eduardo Cunha (PMDB-RJ), conseguiu emplacar um dos polêmicos temas da reforma política, o financiamento privado de campanha - ele havia prometido que a matéria não seria apreciada em uma segunda tentativa, porém descumpriu o próprio compromisso. De acordo com o texto votado pela segunda vez na noite desta quarta (27), o Plenário da Câmara dos Deputados aprovou, por 330 votos a 141 e 1 abstenção, a emenda do deputado Celso Russomanno (PRB-SP) à proposta da reforma política (PEC 182/07) que prevê o financiamento privado de campanhas com doações de pessoas físicas e jurídicas para os partidos políticos e com doações de pessoas físicas para candidatos. Os limites máximos de arrecadação e os gastos de recursos para cada cargo eletivo deverão ser definidos em lei. Assim, foi concluída a votação do tema do financiamento de campanhas.

Porteiro é morto dentro de escola em Iguatu

0 comentários
Assista a reportagem que produzimos e leia na íntegra no www.iguatu.net

Deputado Agenor Neto busca recursos em Brasília para a conclusão de obras em Iguatu

0 comentários
Deputado Agenor Neto busca recursos em Brasília para a conclusão de obras em IguatuO deputado Agenor Neto (PMDB) está em Brasília buscando junto aos ministérios a liberação de mais recursos para Iguatu e região. Um dos primeiros compromissos do parlamentar na capital federal, na terça-feira (26), foi participar da sessão solene na Câmara dos Deputados, em homenagem ao centenário do compositor iguatuense Humberto Teixeira.
O parlamentar também esteve em audiência com o Secretário Executivo do Ministério do Turismo, Alberto Alves, nesta quarta-feira (27), para cobrar a liberação dos recursos para o pagamento das obras de pavimentação asfáltica das estradas da Santa Rosa e do Sítio Barra, além dos recursos para a conclusão das obras de urbanização nas margens da Avenida Edmilson Mendonça, na Vila Neuma.
"Durante a reunião, articulada pelo senador Eunício Oliveira (PMDB), mostrei que são obras provenientes de emendas parlamentares do deputado federal Aníbal Gomes (PMDB) que estão paralisadas há vários meses por falta de pagamento do governo federal, causando com isso sérios problemas para as comunidades beneficiadas", disse Agenor Neto.

Assessoria

Com apoio do PMDB, Senado aprova fim do fator previdenciário

0 comentários

O senado aprovou nesta quarta-feira (27) o Projeto de Lei de Conversão (PLV 4/2015), originária da MP 664/15, com a emenda que acaba com o fator previdenciário para concessão da aposentadoria. A matéria teve o apoio e orientação do líder do PMDB, Eunício Oliveira, e segue agora para sanção da presidente Dilma Rousseff. De acordo com o peemedebista, a alteração na regra para concessão da aposentadoria é um ato de justiça com o trabalhador brasileiro. “O trabalhador contribui a vida inteira com a previdência e não tem a garantia de uma aposentadoria correspondente a sua contribuição. Agora esse direito passa a ser correspondente ao tempo que esse brasileiro contribuir”, disse.    

O texto aprovado hoje pelo senado permite que o trabalhador possa se aposentar sem a incidência do Fator Previdenciário após 30 anos de serviço, no caso de mulheres, e de 35 anos, no caso de homens, como é exigido hoje, desde que a soma do tempo de serviço com a idade seja igual ou superior a 85, para mulheres, e a 95, para homens.

A matéria ainda muda as regras para o acesso à pensão por morte e ao auxílio-doença, que fazem parte do pacote de ajuste fiscal do governo. O Senado já aprovou a MP 665/2014, que mudou regras do seguro-desemprego e do abono salarial.

Tramitação das MPs
Em mais uma crítica ao processo de votação das Medidas Provisórias, o líder Eunício solicitou empenho de todos os senadores para que tentem buscar acordo com a presidência da Câmara para aprovar o Projeto de Resolução que altera o regimento interno do Congresso em relação a tramitação desse tipo de proposta.
A reclamação do peemedebista é de que após ser votada na Comissão Especial, as Medidas Provisória consomem todo o tempo regimental em discussão na Câmara, não restando espaço para que o Senado também realize uma discussão mais qualificada sugerindo mudanças nos textos. “É um absurdo o método que estamos usando para análise dessas MPs. Peço que essa presidência possa interceder à presidência da Câmara para conseguirmos aprovar a mudança no regimento”, defendeu.
 

quarta-feira, 27 de maio de 2015

Marin recebeu propina de R$ 2 mi por ano pela Copa do Brasil

0 comentários

José Maria Marin recebeu propinas de R$ 2 milhões por ano de parceiros comerciais para a realização da Copa do Brasil enquanto foi presidente da CBF. Na manhã desta quarta-feira, ele foi um dos presos na Fifa pela polícia suíça e à pedido do FBI, a Agência Federal de Investigação dos Estados Unidos.
Segundo a investigação americana, a CBF cobrou propinas de parceiros para que tivessem o direito de transmissão dos eventos. O valor, porém, subiu quando Marin assumiu a presidência, em 2012. Marco Polo Del Nero, presidente atual da CBF, saiu em defesa de Marin, alegando que todos os contratos eram da época de Ricardo Teixeira.
Outra constatação é de que a Nike pagou uma propina de US$ 40 milhões (cerca de R$ 127 milhões) em uma conta na Suíça para fechar um contrato com a CBF para patrocinar a seleção brasileira. A informação faz parte da investigação conduzida nos Estados Unidos e que acabou com a prisão de José Maria Marin, ex-presidente da CBF.
Segundo o levantamento, o acordo avaliado em US$ 140 milhões (R$ 445 milhões) rendeu em pagamentos paralelos e depositados no paraíso fiscal alpino. As suas duas empresas que teriam recebido o dinheiro seriam a Traffic Sports International Inc. e a Traffic Sports USA Inc. -, que estão sediadas na Flórida (EUA). Ambas são citadas pela Justiça americana. Os suíços já indicaram que contas foram bloqueadas.
Marco Polo del Nero, presidente da CBF, se recusou a comentar o contrato da Nike. "Isso é algo antigo", disse. O cartola participa de uma reunião de emergência em Zurique com dirigentes sul-americanos e deixou claro que a responsabilidade pelos contratos é de Ricardo Teixeira. " Eu não sabia de nada", declarou.
EXAME

Ministério da Saúde garante R$ 25 milhões para o Estado do Ceará

0 comentários

O Ministério da Saúde publicou uma portaria na qual estabelece um aporte financeiro de R$ 25 milhões ao Governo do Estado do Ceará. O valor é referente a repasses retroativos do Governo Federal. Além disso, outros R$ 5,8 milhões poderão ser repassados ao Estado caso os recursos disponíveis no fundo estadual de saúde não sejam suficientes.

As decisões foram tomadas após audiência, realizada na manhã desta quarta-feira (27/5), entre o governador do Ceará, Camilo Santana, e o Ministro da Saúde, Arthur Chioro, articulada pelo líder do governo na Câmara dos Deputados, José Guimarães.

“Vamos fazer de tudo para buscarmos recursos e ajudarmos o Ceará”, comentou o ministro da saúde após a reunião. Ainda na tarde desta quarta-feira, a partir das 16h, haverá uma nova reunião entre as equipes técnicas da Secretaria de Saúde do Estado e do Ministério da Educação na qual serão apresentados todos os programas que são desenvolvidos entre o Governo do Estado em parceria com o Governo Federal.

Para Guimarães, “estamos construindo alternativas para melhorar a saúde no Estado do Ceará”.

Na semana passada, em reunião articulada também por José Guimarães, o governador Camilo Santana apresentou à presidenta, Dilma Rousseff, um relatório com os números da saúde no Ceará, como o aumento de 52% do número de leitos da rede estadual nos últimos anos e a disparidade de recursos federais na comparação com outros estados.

Na oportunidade, Camilo afirmou que a presidente “compreendeu os números da saúde do Ceará e recomendou que a Casa Civil e o Ministério da Saúde fizessem uma avaliação”. Após a avaliação, o Ministério da Saúde liberou, através de portaria, o valor de R$ 25 milhões.

O prefeito de Fortaleza, Roberto Cláudio, o Secretário de Saúde do Ceará, Henrique Javi, o Secretário da Fazenda, Mauro Filho, e o deputado federal, Odorico Monteiro, também participaram da reunião.

Ceará News 7

Dilma fica em 7º na lista da Forbes

0 comentários
A presidente Dilma Rousseff caiu de posição pelo segundo ano seguido no ranking da revista Forbes das cem mulheres mais poderosas do mundo. Agora em sétimo lugar, Dilma esteve na quarta posição no ano passado, tendo chegado ao segundo lugar em 2013. Em 2011 e 2012, ficou em terceiro.
A campeã é a chanceler alemã Angela Merkel, que faz a sua décima aparição na lista, nove delas na primeira posição. As demais mulheres na frente de Dilma são a americana Hillary Clinton, que pretende ser a candidata democrata à Presidência dos Estados Unidos, a empresária e filantropa Melinda Gates, a presidente do Fed (banco central dos EUA) Janet Yellen, a presidente-executiva da General Motors Mary Barra, e a diretora-geral do FMI (Fundo Monetário Internacional), Christine Lagarde.
Sheryl Sandberg, diretora de operações do Facebook, Susan Wojcicki, chefe-executiva do Youtube, e Michelle Obama, primeira-dama dos Estados Unidos, completam as primeiras dez posições.
Do ano passado para cá, as outras duas mulheres brasileiras que acompanhavam Dilma na lista ficaram de fora. Graça Foster, ex-presidente da Petrobras, renunciou em fevereiro, em meio ao escândalo na estatal. A modelo Gisele Bündchen se aposentou no mês passado.

Ex-presidente da CBF é preso na Suiça

0 comentários

O Departamento de Justiça dos Estados Unidos divulgou nesta quarta-feira (27) que a CBF (Confederação Brasileira de Futebol) é acusada de corrupção em acordos comerciais. A investigação é a mesma que levou a detenção de sete dirigentes do futebol, incluindo o ex-presidente e atual vice da confederação nacional, José Maria Marin. Segundo nota das autoridades americanas, as investigações incluem acusações sobre pagamento de suborno em relações ao contrato da CBF com uma grande marca esportiva americana e também pagamentos em relação a contratos da Copa do Brasil.

A principal patrocinadora da CBF é a Nike, que é a fornecedora da entidade desde a década de 1990.
Na nota, o Departamento de Justiça dos Estados Unidos cita também outras competições que estão envolvidas no esquema de corrupção envolvendo a comercialização de direitos de mídia e marketing, como as eliminatórias da Copa do Mundo na região da Concacaf, a Copa de Ouro e a Liga dos Campeões, organizada pela Concacaf, além da Copa América e da Copa Libertadores, que é organizada pela Conmebol (Confederação Sul-Americana de Futebol).

Nesta quarta-feira (27), o ex-presidente da CBF José Maria Marin e outros seis dirigentes da Fifa foram detidos pela polícia suíça em uma operação surpresa, realizada a pedido das autoridades dos EUA. Os cartolas são investigados pela justiça americana em um suposto esquema de corrupção.

Segundo o Departamento de Justiça dos EUA, foram detidos, além de Marin, Jeffrey Webb, Eduardo Li, Julio Rocha, Costas Takkas, Eugenio Figueredo, Rafael Esquivel.

CONFIRA A NOTA DIVULGADA PELO DEPARTAMENTO DE JUSTIÇA DOS EUA

"Duas gerações de dirigentes de futebol abusaram de suas posições de confiança para ganho pessoal, frequentemente através de aliança com executivos de marketing inescrupulosos que barraram competidores e mantiveram contratos lucrativos para si mesmos através do pagamento sistemático de propinas. Os dirigentes são acusados de conspiração para solicitar e receber mais de US$ 150 milhões (cerca de R$ 400 milhões) em subornos em troca do apoio oficial dos executivos de marketing que concordaram com pagamentos ilegais"

"A maior parte dos esquemas alegados no indiciamento se relacionam à solicitação e recebimento de subornos por dirigentes de futebol pagos por executivos de marketing esportivo em conexão com a comercialização de direitos de mídia e marketing de diversas partidas e torneios -incluídas aí eliminatórias da Copa do Mundo na região da Concacaf, a Copa de Ouro da Concacaf, a Liga dos Campões da Concacaf, a Copa América Centenário, a Copa América (organizada pela Conmebol), a Copa Libertadores (organizada pela Conmebol) e a Copa do Brasil (organizada pela CBF). Outros esquemas alegados se relacionam com o pagamento de suborno em relação ao patrocínio da CBF por uma grande marca esportiva americana, a escolha da sede da Copa de 2010 e a eleição presidencial da FIFA em 2011.

Veja como os deputados cearenses votaram em três propostas da reforma política

0 comentários
1. "Distritão"
Venceriam os candidatos mais votados em cada distrito
 
Proposição: PEC Nº 182/2007 - ART. 1º DO SUBSTITUTIVO - Nominal Eletrônica
Resultado da votação
Sim:  210
Não:  267
Abstenção:  5
Total da Votação:  482
Art. 17:  1
Total Quorum:  483
  
Ceará (CE)
Adail Carneiro  PHS          Sim
André Figueiredo PDT      Não
Aníbal Gomes  PMDB        Sim
Antonio Balhmann PROS           Não
Arnon Bezerra  PTB          Sim
Cabo Sabino  PR          Não
Chico Lopes  PCdoB          Sim
Danilo Forte  PMDB          Sim
Domingos Neto  PROS          Sim
Genecias Noronha SD            Sim
José Airton Cirilo PT           Não
José Guimarães  PT            Não
Leônidas Cristino PROS          Não
Luizianne Lins  PT          Não
Macedo  PSL            Sim
Moroni Torgan  DEM            Sim
Moses Rodrigues PPS          Sim
Odorico Monteiro PT            Não
Raimundo Gomes de Matos PSDB   Não
Ronaldo Martins  PRB   Não
Vitor Valim  PMDB          Sim
Total Ceará: 21  
 
2. Voto distrital misto
Eleitores votariam duas vezes: nos candidatos em cada distrito e nas legendas
 
PEC Nº 182/2007 - EMENDA AGLUTINATIVA Nº 2 - Nominal Eletrônica
Resultado da votação
Sim:  99
Não:  369
Abstenção:  2
Total da Votação:  470
Art. 17:  1
Total Quorum:  471
 
Ceará (CE)
Adail Carneiro  PHS    Não
André Figueiredo PDT     Não
Aníbal Gomes  PMDB    Não
Antonio Balhmann PROS     Não
Arnon Bezerra  PTB      Não
Cabo Sabino  PR     Não
Chico Lopes  PCdoB     Não
Danilo Forte  PMDB    Não
Domingos Neto  PROS     Não
Genecias Noronha Solidaried  Não
José Airton Cirilo PT     Não
José Guimarães  PT     Não
Leônidas Cristino PROS     Sim
Luizianne Lins  PT     Não
Macedo  PSL           Não
Moroni Torgan  DEM     Sim
Moses Rodrigues PPS     Sim
Odorico Monteiro PT     Não
Raimundo Gomes de Matos PSDB   Sim
Ronaldo Martins PRB    Não
Vitor Valim  PMDB    Não
Total Ceará: 21
 
3. Proposta de Financiamento privado de campanha
 
Resultado da votação
Sim:  264
Não:  207
Abstenção:  4
Total da Votação:  475
Art. 17:  1
Total Quorum:  476
 
Ceará (CE)
Adail Carneiro  PHS    Sim
André Figueiredo PDT     Não
Aníbal Gomes  PMDB    Sim
Antonio Balhmann PROS     Sim
Arnon Bezerra  PTB  Sim
Cabo Sabino  PR     Não
Chico Lopes  PCdoB     Não
Danilo Forte  PMDB    Sim
Domingos Neto  PROS     Não
Genecias Noronha Solidaried  Sim
José Airton Cirilo PT     Não
José Guimarães  PT     Não
Leônidas Cristino PROS     Não
Luizianne Lins  PT     Não
Macedo  PSL          Não
Moroni Torgan  DEM     Não
Moses Rodrigues PPS     Não
Odorico Monteiro PT     Não
Raimundo Gomes de Matos PSDB  Sim
Ronaldo Martins  PRB  Não
Vitor Valim  PMDB    Não
Total Ceará: 21

"No Ceará, qualquer bodega tem um projeto, mas o Brasil não”, diz Ciro Gomes

0 comentários
O ex-ministro do governo Lula e atual chefe da ferrovia Transnordestina, Ciro Gomes, criticoua falta de planejamento e investimentos públicos em uma política industrial. "O Brasil não tem agenda. […] No Ceará, qualquer bodega tem um projeto, mas o Brasil não”, afirmou Gomes durante debate da 3ª edição do Fórum Brasil, promovido pela CartaCapital.
Durante o evento, Ciro Gomes reforçou a ideia de que o País possui três diferenças econômicas que vão de encontro com o que acontece no mundo. São estas: as condições de financiamento, a escala produtiva e o desenvolvimento de tecnologia. Para o ex-ministro, a taxa de financiamento público é pequena em comparação a outros países. 
Além de Ciro, participaram do painel David Barioni, presidente da Agência Brasileira de Promoção de Exportações e Investimentos (Apex-Brasil), e o embaixador e ex-ministro da Defesa e das Relações Exteriores do governo Lula, Celso Amorim. Eles discutiram também a exportação do Brasil e a dependência do País em relação à China. 
Crítica para ajuste fiscal
Em entrevista à CartaCapital, Ciro Gomes também criticou o ajuste fiscal. O ex-ministro disse que há um grande erro, que um conjunto de práticas está provocando a queda da receita e criticou as contas nacionais. “Você não pode fazer conta de padeiro, com todo respeito aos padeiros que são muito mais inteligente do que me parecem ser as autoridades econômicas brasileiras, não é assim que se faz ajuste fiscal”. 
Diário do Nordeste
 

Blog do Alex Santana . Copyright 2008 All Rights Reserved Revolution Two Church theme by Brian Gardner Converted into Blogger Template by Bloganol dot com